Política Comentários

Justiça Eleitoral julga ação por suposta compra de votos

Julho 30 / 2017

Ação por crime eleitoral é contra o atual prefeito de Meridiano, Val Rizatto (foto). Julgamento será na quinta-feira.

Acha-se na mesa do Tribunal Regional Eleitoral – TRE para julgamento na sessão de quinta-feira, 3, o pedido de cassação da chapa do prefeito Orivaldo Rizatto, de Meridiano. A acusação contra ele é por suposta compra de votos. A ação de investigação contra Rizzato partiu de Helena Maria Lucon Faria, candidata derrotada por apenas oito votos de diferença. Val Rizzato (PSDB) obteve 1.658 votos na eleição de 2016. A Procuradoria Eleitoral deu parecer para a cassação do atual prefeito.
No pleito, de 2016, contou com 3.970 eleitores no município, sendo 87,20% do eleitorado votou com 12,80% ausentes/abstenção. Brancos, foram 46 votos (1,33%); Nulos – 108 votos (3,12%); Total de Votos Válidos – 3.308 (95,55%).

Os comentários estão desativados para esta matéria.