TCE quer explicações por contrato com empresa médica

Outubro 05 / 2017

Prefeitura de Fernandópolis terá 20 dias para explicar as informações.

O conselheiro substituto do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo- TCE, Valdenir Antonio Polizzeli,(foto) deu prazo de 20 dias à Prefeitura de Fernandópolis, explicar a contratação de uma empresa médica. A contratada foi a Serviços e Assistência Médicos Bidim Lelis Ltda - EPP, cujo responsável é Rafael Bidim Lelis - Sócio Administrador. O objeto visa a contratação de serviços médicos na UPA – Unidade de Pronto Atendimento, num total de 8.784 horas médicas, no decorrer de 12 meses, sendo empenhado 5.136 horas até 31 de dezembro de 2017 e o restante de 3.648 horas médicas para o exercício de 2018.

Os comentários estão desativados para esta matéria.