Política Comentários

Deputada critica gastos do CNJ em R$ 23,3 milhões

Julho 28 / 2019

A deputada Janaíma Paschoal, eleita por São Paulo

A deputada por São Paulo,Janaina Paschoal, foi ao Twitter para criticar a transferência do CNJ para uma nova sede, em um prédio 30,9 mil metros quadrados em Brasília, ao custo de R$ 23,3 milhões por ano.
Há menos de três anos, a sede atual do órgão já havia sido reformada por R$ 7 milhões.
Por que gastaram 7 milhões em obras, recentemente? O que é isso? O CNJ também fará um edital para comprar lagosta e vinhos importados? O Ministério Público Federal precisa questionar esse gasto desnecessário.
advogada e professora Janaína Paschoal (PSL) é a deputada mais votada na história do país.

Na disputa por uma vaga na Assembleia Legislativa de São Paulo, a candidata recebeu 2.031.829 votos (98,25% das urnas apuradas) e superou o recorde histórico para o legislativo estadual e federal.

Janaína também obteve mais votos que Eduardo Bolsonaro (PSL), deputado federal eleito por São Paulo, que atingiu 1.814.443 votos (com 98,25% das urnas apuradas).

O recorde anterior de um deputado estadual era de Fernando Capez (PSDB), reeleito em 2014 com 306.268 votos. Nesta eleição, Janaína teve quase sete vezes mais votos do que o tucano conseguiu na última votação.

Os comentários estão desativados para esta matéria.