Brasil

Projeto de Reforma Tributária Pode Aumentar Impostos na Cesta Básica em até 60%



A proposta de reforma tributária apresentada recentemente pode causar um aumento de quase 60% nos impostos sobre a cesta básica e produtos de higiene, segundo a Associação Brasileira de Supermercários (Abras). A região Sul seria a mais atingida, com um aumento médio na tributação de 93,5%.

A reforma tem como objetivo a simplificação e unificação dos impostos, além da criação do Fundo de Desenvolvimento Regional. Contudo, há temores de um encarecimento dos produtos básicos, uma preocupação que tem sido expressa por diversos especialistas.

No entanto, o secretário extraordinário da Reforma Tributária, Bernard Appy, contestou as estimativas da Abras, alegando que os impostos sobre a cesta básica devem permanecer na mesma faixa de hoje, mesmo com a reforma em vigor. Ele também criticou os cálculos da associação, argumentando que eles não levam em conta os benefícios da reforma tributária e a redução de custos que os supermercados terão como resultado.

A proposta de reforma tributária está programada para ser votada na Câmara dos Deputados esta semana. Enquanto a discussão continua, os consumidores aguardam ansiosamente as consequências potenciais para seus gastos diários.


Mais sobre Brasil